quarta-feira, 29 de maio de 2013

Gênero: Terror



O gênero ficcional do terror ou horror existe em qualquer meio de comunicação em que se pretenda provocar a sensação de medo, esse sentimento é a fonte do gênero.


Por Nathalia Lopes

Porém, dizer que o terror é apenas isso é cair numa armadilha, pois existem suspenses que causam mais medo do que muitos longa de horror. "o gênero terror é constituído de características próprias aplicadas para diferentes situações, visando provocar sustos e a sensação de medo através de vários métodos que provoquem o choque. Claro que “choque” não está no sentido literal, nem no sentido de “causar trauma”, mas associado a provocar a sensação de “desconforto” e “insegurança”, podendo ou não apelar visualmente. Com o passar dos anos, o “medo coletivo” se altera, desta forma, o gênero terror se adapta as tendências sociais para sempre tentar 'surpreender' o público."

Alguns elementos estam sempre presentes no gênero, são eles:

A mocinha: Personagem que diz que certa atitude ou comportamento (que geralmente desencadeia a história) não está correto. Ela pode surgir como uma mocinha delicada ou como uma durona.
O mocinho: O mesmo que a mocinha, a diferença é que ele geralmente é apaixonado por alguém e passa o filme tentando salva-la.
O negro: Essa personagem é, nos filmes das décadas de 80 e 90 o primeiro a morrer. Fala muitos palavrões e muitas vezes usa drogas.
A sexy: Em geral uma loira, é responsável pelas cenas de sexo, usa figurino provocante e não é dotada de grande inteligência.
Festa: Muitas das vezes o problema começa em uma festa ou viagem mal planejada.
Drogas: Outro elemento bem comum no gênero.
O policial: A polícia aparece como algo inútil, normalmente não ajuda na solução do problema e morre na hora em que percebe que a coisa é séria.
Sexo: cenas de sexo sem explicação plausível, em horas e momentos inadequados.
O bom moço: pode aparecer na versão masculina ou feminina. Essa personagem normalmente não faz parte do grupo de amigos, mas por algum motivo acaba ficando envolvida na história. Quando pertencente ao grupo ela é a mocinha, quando não ela pode ser a assassina.

Podemos dividi-lo em alguma subcategorias:

  • Thriller = Caracterizado pelo suspense e tensão. Esse nome foi dado em homenagem a música homônima do Michael Jackson, Tento em vista que os filmes de zumbi muitas vezes se enquadram nele. Nem todo filme de terror é um Thriller, por mais tensos que eles possam ser, essa tensão tem que ser a característica mas forte (juntamente com os demais elementos que formam o gênero). Geralmente eles não precisam mostrar nada (fantasmas, monstros, mortes) para nos trazerem a sensação de medo.
  • Slasher = Serial Killers. Geralmente conta a história de uma personagem, que quando criança vivia em um meio conturbado e/ou sofria algum tipo de maus tratos e em algum momento se revolta e resolve matar todo mundo. Essa revolta pode ocorrer tanto em vida, como depois da morte (fantasma), mas geralmente ocorre quando ainda vivo. Leatherface, Michael Myers, Jason Voorhees, Freddy Krueger são ótimos exemplos de vilões dessa categoria.
  • Teen = Um dos mais comuns. A história gira em torno de um grupo de amigos jovens (com no máximo 25 anos), que se envolvem em algum problema. Reúne todos os elementos básicos do gênero.
  • Sci-Fi = Ficção. Normalmente há um alienígena como vilão, e/ou o se passa no futuro. 


  • Trash = A definição de Filme Trash ainda é muito discutível, em geral trata-se de um filme tecnicamente mal feito (propositalmente ou não) mas que é considerado bom, embora tenha uma narrativa ruim. Este segmento deve ser analizado com critérios diferentes dos demais filmes, pois faz parte dele o "mal feito".
  • Natural Terror = Os vilões são animais e o longa tem uma certa mensagem de conservação da natureza. Os filmes "Anaconda" e "Tubarão", são exemplos.
  • Shockumentary = Essa talvez seja a subcategoria mais polêmica. Uma espécie de documentário que mostra cenas de violência explícita e todos os outros tipos de barbaridades encontradas nos filmes do gênero, porém, as cenas são reais. Um certo mito a envolve, pois seria crime se fosse comprovado que as cenas são reais. Geralmente no título encontramos a palavra Mondo, este recurso é utilizado como um alerta para os espectadores. Um exemplo é o filme "Faces da Morte", proibido em 46 países.
OBS:  O FATOR PIPOCA não indica esse filme.
  • Splatter = Filme de tortura. Apresenta cenas fortes de violência, sangue e mortes, mas tudo muito exagerado. A tortura é um elemento forte nesses filmes. O Albergue é um exemplo.
  • Found Footage= Trata-se de um filme se passando por um documentário. O medo vem através da sensação de realismo. "A Bruxa de Blair" foi o filme que "lançou" o estilo que depois resurgiu com o filme "Atividade Paranormal".

Espero ter ajudado a esclarecer um pouco mais sobre o tema. 

Comentem sobre o que acharam e acham do gênero.

  8 comentários:

  1. Nossa Parabéns ao blog! Bem explicado... finalmente alguém falando com respeito desse gênero, muitos sites tratam ele como se não fosse nada! Sou fão do blog!

    ResponderExcluir
  2. Essa é a matéria mais legal feita aqui, muito bem explicada, e o conceito da Nathalia no inicio do texto foi muito divertido de ler :)

    ResponderExcluir
  3. Muito bom! Já me amarrava no blog, agora gosto ainda mais!

    ResponderExcluir
  4. Muito bom! Uma das melhores matérias q li aqui no blog com certeza... Muito bem elaborada as descrições das personagens, subgêneros... Alem de muito bem explicadas e esclarecidas... Meus parabêns Nathalia
    ótima matéria

    ResponderExcluir
  5. Obrigada pelos comentários! Fico feliz por terem curtido!

    Nathalia

    ResponderExcluir
  6. Adorei o post Nathalia, incrível como um gênero de filme tenha tantas subcategorias!
    Só pra acrescentar A Bruxa de Blair (que eu adorooo!) somente "popularizou" os filmes Found Footage, na verdade o filme que "lançou" o estilo foi Holocausto Canibal, filme italiano de 1980 dirigido por Ruggero Deodato, que eu nunca vi mas procuro há um tempo...
    Beijooo e parabéns pelo post :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso que o lançou está entre aspas, porque ele foi o primeiro filme "reconhecido" do gênero. Eu pessoalmente nunca nem tinha ouvido falar nesse... Outro detalhe é quem em todas as fontes que achei também traziam "A Bruxa de Blair" como pioneiro. Obrigada pela informação.

      Nathalia

      Excluir
    2. Pois é Nathalia, eu conheci esse Holocausto Canibal há um tempo, mas como disse nunca vi! Mas Bruxa de Blair foi tão importante para o gênero que é como se tivesse lançado mesmo!

      Excluir

Siga por E-mail

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.