terça-feira, 30 de julho de 2013

Sacha Baron Cohen, abandonou a cinebiografia de Freddie Mercury, tchau Freddie!



Por Eduardo Madeiro

O clima anda pesado entre Baron Cohen (Borat) e os integrantes do Queen. Acho que o desgaste criativo tomou conta, enquanto Cohen e os produtores querem algo mais aprofundado na vida amorosa de Freddie, inclusive sua bissexualidade, os ex-companheiros de Freddie querem um filme que seja com foco na banda. Esses impasses levaram o ator Sacha a desistir de interpretar o líder da banda, Freddie Mercury, no cinema.

O Queen tem aprovação final em cima do roteiro, o que afastou Cohen do projeto.

A Sony Pictures e a GK Films querem Tom Hooper (Os Miseráveis) na direção da cinebiografia, se ela ainda acontecer. O diretor, que concorreu ao Oscar de Melhor Direção por O Discurso do Rei, é considerado a primeira escolha do estúdio. Stephen Frears (A Rainha) chegou a ser cotado para o projeto, mas as negociações falharam.

Ainda sem título, o filme tem roteiro de Peter Morgan (também de A Rainha e O Último Rei da Escócia).

Mercury foi o vocalista e líder da banda de rock britânica Queen. Compôs muitos dos sucessos da banda, como Bohemian Rhapsody e We Are the Champions. Suas exibições ao vivo eram lendárias, tornando-se imagem de marca da banda. A facilidade com que Freddie dominava as multidões e os seus improvisos vocais envolvendo o público no show tornaram as suas turnês um enorme sucesso nas décadas de 1970 e 80.

Vamos vibrar que venha um ator a altura do talento e carisma de Freddie. Um astro merece ser imortalizado na 7ª. arte.

0 comentários:

Postar um comentário

Siga por E-mail

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.