terça-feira, 18 de junho de 2013

Projeto para a ampliação para o polo de cinema do Rio de Janeiro



Por Nathalia Lopes
O secretário de Cultura do Rio de Janeiro e presidente da RioFilme, Sérgio Sá Leão, anunciou que o Polo de Cinema e Vídeo do estado passará por uma ampliação e revitalização nos próximos três anos.

Hoje o polo conta com oito estúdios, sendo que apenas cinco estão ativos. A reforma tem por objetivo fazer com que existam quatorze estúdios, além de espaço para empresas de serviços da área de cinema, como pós-produção e aluguel de equipamentos.

Uma nova licitação será aberta em julho, para a escolha da empresa que terá de investir R$ 100 milhões, realizar as obras e que terá o direito de gerir o polo por trinta anos. A concorrência será internacional.

"Duas empresas brasileiras já demonstraram interesse e, após o anúncio em Cannes, duas estrangeiras também já se manifestaram", afirma Sérgio.

0 comentários:

Postar um comentário

Siga por E-mail

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.