domingo, 26 de janeiro de 2014

Clube de Compras Dallas



Por Ananda Oliveira


Com um tema um tanto quanto incomum sendo abordado em uma época de trevas, o Clube de Compras, de Ron Woodroof, se mantém na ativa.

Baseado em fatos reais, a trama conta como um eletricista heterossexual da cidade de Dallas tem sua vida virada de cabeça pra baixo ao ser diagnosticado com AIDS, em 1986.

A transição de caipira machista a sobrevivente é feita por etapas e sem falhas. Um trabalho majestoso realizado por Mathew McConaughey, que mostra que transformação física serve apenas como ajuda na construção de personagem.

O maior coadjuvante desse filme é a AIDS. Pasmem! Ela não é apenas um elemento que ajuda na transformação da identidade de Woodroof, está presente e em constante mudança no ambiente de toda a história.

Não existem personagens dispensáveis no filme, pois todos tem uma função importante, que tanto o diretor quanto o roteirista gostam de deixar claro para o espectador. Embora, ao meu ver, Rayon e a Médica, respectivamente interpretados por Jared Leto e Jenifer Garner, poderiam ser interpretados por qualquer outro ator que se teria o mesmo resultado.

O Clube de Compras Dallas tem uma história emocionante e uma fotografia impecável, mas não é tão bom quanto outros filmes do tema como, por exemplo, Philadelphia.

Fica na responsabilidade de Mathew Mcconaughey carregar o filme nas costas.

0 comentários:

Postar um comentário

Siga por E-mail

Total de visualizações

Tecnologia do Blogger.